segunda-feira, 16 de agosto de 2010

O filho prodigo


 

Parábola: O Filho Pródigo


 


 


 


 



 


 


 

Digo-vos que haverá mais alegria no céu por um pecador que se arrepende, do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento.


 

Lucas 15: 7


 


 


 

 

O Filho Pródigo

Lucas 15:11-32


 



 


 

Um homem tinha dois filhos. O mais novo pediu ao pai sua parte nos bens. O pai repartiu seus bens.

Só que, depois de alguns dias, o filho mais novo, juntou tudo o que era seu, partiu para uma terra distante e lá gastou tudo o que possuía.

Ao mesmo tempo em o jovem gastou tudo o que tinha, o lugar onde ele estava começou a atravessar uma fase de crise e ele começou a passar necessidade.


 


 


 


 


 


 


 


 


 

Cuidando de Porcos


 



 


 

O rapaz não sabia o que fazer. Estava sozinho, pobre e com fome.

Desesperado, ele resolveu se oferecer para trabalhar na fazenda de uma pessoa, cuidando dos porcos.

Ele estava morto de fome e precisa de comida. Ele queria comer qualquer coisa, mesmo se fosse a comida dos porcos, mas ninguém lhe dava nada.

O jovem começou a lembrar de seu pai. Pensou que os servos de seu pai tinham alimento com fartura, enquanto ele estava ali, morrendo de fome.

Ele, então, decidiu voltar, pedir perdão ao pai e, como não se sentia digno, queria apenas ser tratado como empregado. Assim, ele partiu, sem saber como seria recebido.


 

        



 


 


 


 


 


 

De volta ao Lar


 


 

Quando o rapaz chegou em casa, o pai mandou que os servos trouxessem a melhor roupa para vestir seu filho.

Deu, ao filho, um anel e sandálias. Mandou matar um novilho cevado. Ele ficou muito feliz porque

ele achava que o filho estava morto e reviveu, estava perdido e foi achado. E começaram a festejar.


 


 


 

O Filho mais Velho


 



 

O filho mais velho quando voltou do trabalho ouviu, de longe, a música. Através de um dos criados, ficou sabendo que seu irmão tinha voltado para casa, e que seu pai mandou matar um novilho cevado, para festejar a volta do filho, vivo e com saúde.

O filho mais velho ficou muito triste e com raiva, não querendo nem entrar em casa. O pai, quando viu o que estava acontecendo, tentou alegrá-lo.

Ele, porém, respondeu a seu pai dizendo que, durante toda a sua vida trabalhava e ajudava o pai, sem desobedecer, e nunca havia recebido nem mesmo um cabrito para festejar com os meus amigos.

Disse, também, que para o filho que desperdiçou tudo o que recebera, fez uma festa e até matou um novilho cevado.

Então, o pai respondeu: Meu filho, você sempre está comigo; tudo o que é meu é teu. Quanto ao teu irmão, temos que nos alegrar e festejar porque ele estava morto e reviveu, estava perdido e foi achado.


 


 

 

Colorir


 


 


 


 



 


 


 

Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma?


 

Mateus 16:26

Colorir


 



 


 

E Jesus disse: Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome, e quem crê em mim nunca terá sede.


 

João 6:35

 

Recadinhos


 

Recadinhos


 


 


 


 

Labirinto


 


 


 



 


 


 


 


 


 

Versículos para Memorização


 

 

Para um amigo ou amiga


 


 


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário